10 melhores geradores de sites estáticos em 2024

Precisa escolher um gerador de site estático, mas não sabe como as ofertas se acumulam? Esta lista dos 10 principais irá ajudá-lo a fazer a escolha certa

Os geradores de sites estáticos estão na moda agora por causa das muitas vantagens que oferecem. Todos eles podem produzir páginas HTML puras, mas alguns produzem mais ou oferecem mais recursos do que outros.

As vantagens de usar SSGs (Static Site Generators) incluem maior velocidade de carregamento do site e segurança, porque não há servidor para analisar comandos. Ele também oferece um processo de criação de sites mais eficiente, pois o uso de um gerador supera a codificação manual de HTML.

Esta lista dos diferentes geradores de sites estáticos inclui apenas os pacotes mais populares, que também vêm com recursos exclusivos ou vantagens sobre os demais. Isso deve ajudá-lo a escolher rapidamente a melhor ferramenta para o trabalho.

Os 10 principais geradores de sites estáticos

NomePlataformaVantagensSite
gatsbyReact.js e GraphQLExtensos plugins, PWAgatsbyjs. com
11 anosExecuta em Node.jsSimples e poderoso11ty.dev
SculpinFunciona em PHPÓtimo para codificadores PHPescultura.io
HugoFunciona em movimentoTempos de construção rápidosgohugo.io
JekyllFunciona em RubyHospedagem gratuita no Github, grande comunidadejekyllrb. com
Próximo.jsReact.js e Node.jsOferece uma estrutura React.jsnextjs.org
PelicanoRoda em PythonÓtimo para codificadores Pythongetpelican. com
GrelhadoVue.js e GraphQLExtensos plugins, PWAgridsome.org
ScullyAngular.jsAplicativo Angular pré-renderizadoscully.io
VuepressVue.jsSensação nativa de SPA minimalistavuepress.vuejs.org

1.Gatsby

Gatsby

Se você está confuso sobre qual SSG escolher, considere gatsby porque é muito popular por uma razão. Gatsby é construído sobre o popular framework React.js e, como resultado, oferece uma interface de usuário impressionante imediatamente.

As páginas carregam sem problemas e pré-busca as próximas páginas para dar ao usuário aquela sensação de PWA (Progressive Web App) de um aplicativo nativo, graças ao React.js.

Em segundo lugar, possui uma comunidade próspera, que possui mais de 2,000 plugins. Isso facilita encontrar um plugin para quase tudo o que você deseja fazer. Por exemplo, existe um plugin para puxar automaticamente posts de um blog WordPress e transformá-los em um site estático.

Gatsby também tem suporte comercial e isso inclui o serviço Gatsby Cloud, que facilita a construção e hospedagem de seus sites estáticos. Além disso, há suporte profissional para ajudar a aumentar seu desempenho.

Há tanta coisa que você pode fazer com Gatsby. A comunidade também está lá para ajudar, incluindo as páginas de documentação detalhadas. Então, vale a pena conferir.

Leia o nosso Comparação WordPress vs Gatsby.

2. 11ty (onze)

11ty

"120 é um gerador de site estático mais simples”. Isso é o que seu site diz e é exatamente isso que é. Se você é do tipo que gosta de 'lean & mean', então 11ty pode ser para você.

11ty é executado em Node.js, portanto, praticamente não há framework JavaScript para aprender. O uso é simples e direto ao ponto, e o que falta em recursos, entrega em velocidade.

Eleventy gera HTML puro e isso lhe dá velocidade. Mas seu suporte a mecanismos de modelo independentes o torna uma ferramenta para os profissionais.

Ele permite que você crie seu site usando até 10 linguagens de modelo e você pode escrevê-las todas na mesma página, desde HTML, Markdown, Liquid, Nunjucks, Haml e assim por diante.

Se você é um programador experiente ou apenas deseja criar algo único que possa adaptar às suas necessidades exatas, convém verificar este gerador.

Você pode verificar nossa Comparação WordPress vs 11ty

3. Escultura

Sculpin

A revolução JAMstack (JavaScript APIs & Markup) parece empenhada em obliterar linguagens do lado do servidor como PHP, mas Sculpin faz uma declaração ousada como um gerador de site estático baseado em PHP.

Esta é uma boa notícia para a multidão de desenvolvedores PHP, que encontrarão um ambiente familiar no Sculpin, especialmente quando se trata de estendê-lo.

O Sculpin é instalado usando o compositor do gerenciador de pacotes PHP, então não há preocupação com dependências. Ele também é construído no framework PHP Symfony e isso o torna capaz de criar recursos avançados e surpreendentes.

O Sculpin usa Markdown, HTML e Twig, que é um mecanismo de modelo moderno e fácil de aprender.

4. Hugo

Hugo

Hugo é outro SSG interessante. Ele é construído na linguagem C-family Go, que foi desenvolvida a partir do Google e é conhecida por sua velocidade. Isso faz do Hugo, de acordo com seus desenvolvedores: o framework mais rápido do mundo para construir sites.

Você pode instalar o Hugo em ambientes Linux, Windows e macOS. Além disso, existem mais de 300 temas para ajudá-lo a iniciar qualquer projeto.

Hugo é multilíngue, produz seu conteúdo em vários formatos, como JSON e AMP, e fornece muitos recursos prontos para uso e sem precisar de um plug-in.

5. Jekyll

Jekyll

De todos os geradores nesta lista, Jekyll provavelmente tem sido em torno do mais longo. Foi lançado em 2008 e sua popularidade ajudou a alimentar o atual movimento JAMstack.

Jekyll é escrito com Ruby, então isso o torna uma ótima opção para desenvolvedores Ruby on Rails. Ele permite que você construa tudo, desde sites simples até blogs e projetos mais sérios, como Github.

Migrar um blog com Jekyll é muito fácil, pois é um gerador de reconhecimento de blog. Ele é capaz de extrair todas as informações necessárias de páginas, postagens, categorias e links permanentes de um blog com facilidade. Você pode usar Markdown, Liquid, HTML e CSS para criar seus modelos escolhidos.

Ser um dos geradores de sites estáticos mais antigos também significa que o Jekyll é popular e apoiado por uma grande comunidade. Além disso, você pode hospedar seus sites estáticos do Jekyll gratuitamente no Github, já que o site é executado no Jekyll.

6. Próximo.js

Next.js

Próximo.js é uma estrutura JavaScript construída sobre a estrutura React.js. Portanto, isso significa que você precisará da estrutura React.js e do ambiente Node.js para executar o Next.js.

Você pode usar o Next.js para gerar páginas no momento da compilação ou renderizar as páginas no momento da solicitação. Esse recurso o torna um sistema híbrido com suporte a imagens, análises, sistema de arquivos, rotas de API e suporte a CSS integrado.

Muitas marcas de renome executam o Next.js e isso explica sua utilidade. Um deles é o TikTok. O único problema aqui é a curva de aprendizado, porque você precisará conhecer Next.js, React.js e Node.js para fazer as coisas funcionarem. Ufa!

7. Pelicano

Pelican

A Pelicano o gerador de site estático não é tão completo quanto os outros geradores aqui, nem compete em facilidade de uso ou instalação. O que ele oferece, no entanto, é um ambiente Python.

Há duas vantagens aqui. Primeiro, os amantes de Python começam a trabalhar em seus consoles favoritos e, em segundo lugar, estender a funcionalidade do gerador é mais fácil para qualquer especialista em Python.

O Pelican não é tão maduro quanto a maioria dos outros projetos nesta lista, mas aceita arquivos reStructuredText e Markdown para conteúdo, temas, feeds Atom/RSS e a capacidade de importar dados de um blog WordPress.

8. Horrível

Gridsome

Desenvolvido no framework Vue.js e usando GraphQL para importação de dados, Grelhado produz páginas estáticas PWA de maneira muito semelhante ao Gatsby. Eles carregam de forma rápida e bonita, com pré-busca de página para uma sensação de aplicativo nativo.

Embora o projeto Gridsome seja mais jovem, ele apresenta uma ampla variedade de plugins para ajudar em todos os tipos de aplicativos, tornando-o também comparável ao Gatsby.

No entanto, é para desenvolvedores do framework Vue, assim como Gatsby é para o framework React. Ainda assim, sua comunidade pode ser menor, mas está crescendo.

9. Scully

Scully

Scully é um gerador de site estático para aplicativos Angular. Isso significa que primeiro você precisará criar seu aplicativo completo em Angular antes de renderizá-lo em HTML e CSS.

Os benefícios incluem o usuário não ter que esperar que todo o aplicativo Angular seja carregado e renderizado antes de interagir com sua página. Qualquer página solicitada é processada instantaneamente.

Depois que a página única é carregada, no entanto, o aplicativo Angular completo pode ser carregado para fornecer ao usuário a experiência SPA (Aplicativo de página única) pela qual o Angular é conhecido.

10. Vuepress

Vuepress

Além de Gridsome, Vuepress também aproveita a estrutura Vue.js para gerar sites estáticos. No entanto, ele se concentra em sites HTML minimalistas com um design de aplicativo de página única. Vuepress é muito popular.

O conteúdo é fornecido através do Markdown para manter as coisas simples e há recursos para suportar a documentação técnica, pois o Vuepress ganhou vida para documentar o projeto Vue.

Você também obtém temas e plugins, além da capacidade de usar componentes Vue em seu Markdown ou desenvolver temas personalizados.

Conclusão

Chegando ao final desta lista dos 10 principais geradores de sites estáticos, você pode ver as diferentes ofertas disponíveis de vários grupos de desenvolvedores.

Você também notará a importância do seu ambiente de desenvolvimento e como ele facilita a escolha de um gerador específico.

Nnamdi Okeke

Nnamdi Okeke

Nnamdi Okeke é um entusiasta de computadores que adora ler uma grande variedade de livros. Ele tem preferência por Linux sobre Windows/Mac e tem usado
Ubuntu desde seus primeiros dias. Você pode pegá-lo no twitter via bongotrax

Artigos: 278

Receba materiais tecnológicos

Tendências de tecnologia, tendências de inicialização, análises, renda online, ferramentas da web e marketing uma ou duas vezes por mês

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *